Seja bem vindo! Confira as matérias mais recentes mais abaixo rolando a página. Confira em nossos arquivos outras imagens e assuntos pela barra lateral a direita. Obrigado.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

FORMULA 1 x CIRCO

E Vettel é campeão. Bi (?!).

(...)O podium de Suzuka fechou como de fato deveria terminar o mundial de pilotos(...) trecho do último paragrafo deste post.

Pelos últimos acontecimentos do caso HamiltonXMassa... mais os acontecimentos no ultimo GP do Japão mostram claramente que 'essa' formula 1(e alguns de seus jornalistas, fomentadores e entusiastas) merece o Vettel.

Mais uma vez o 'menino' precisou ser contido bem como precisou que a equipe contivesse seu companheiro (mais uma vez), notado nas falas do radio pedindo para que Vettel não perceguisse Alonso e depois para que Webber não perceguisse o Vettel pois a ordem de manter a posição e não entrar em disputa direta já havia sido dada também ao seu companheiro. Alan Jones como 'consultor' é uma piada... e o que esperar de sua analise da largada de Vettel se quando ele disputou o título com Nelson Piquet fez a mesma coisa na largada a duas corridas do fim da temporada? Pior, espremeu o Nelson no muro, esse sem ter o que fazer, bateu, rodou, ficou atravessado na pista e uma serie de colisões vieram a interromper a corrida e cancelar a largada.
De piada em piada... a formula 1 vai se firmando como um Circo mesmo... com seus palhaços... já que há quem aplauda.

Campeão? Campeão é o Jeson... o Alonso... que sabem como interagir com o ritmo da corrida, são prontos ao improviso e pensam na corrida como um todo. As memoráveis corridas de Jeson este ano não começaram com estapafurdia, mas uma corrida escrita, traçada... como a um enxadrista que anteve lances a frente e isso sem perder a competividade e a agressividade.
Se hoje está onde está é sim por seus méritos na condução de seu carro e no seu ritmo de corrida e da sua estrutura psicologica, que Vettel ainda tem muito por formar. É um bom piloto, sem dúvida, ou não seria o campeão... mas... daí a ser legítimo é outra estória.

O mundo parece querer ídolos a qualquer preço como que querendo desmembrar uma mesmice globalizada. Na geração fastfood tudo tem o gosto 'plástico', requentado e industrializado. Uma geração que pede tudo por um numero, inclusive comida...

A formula 1, tida como o apice da tecnologia e do automobilismo, e claro, do que está por vir no automóvel, cria uma contradição quando o assunto é pneu... em que priorizou o show e não o desenvolvimento. Assim foi por ser decidido ter apenas um fornecedor de pneus...e que esses não deveriam durar... para que o pneu fosse um fator desenquilibrio.

A Michelin vem trabalhando em um pneu que não será mais pneumático... não terá ar. Testes em um Audi tem colocado a prova a invenção revolucionaria. Compostos que visassem maior aderencia x menor desgaste não são explorados... os pneus ecologicos não são explorados... (porque são verdes?)...

Pilotos rápidos como Koba, Di resta, Sutil... ficam no ostracismo não por incompetência própria, mas dos cronistas formadores de opinião.

A Formula 1 que aprendi admirar é um esporte. A formula 1 de hoje... essa empacotada, que vem acompanhada de batafritas e refrigerante... é um Circo.
No Circo... nos divertimos.... no esporte, torcemos.
No Circo... vá lá... o 'menino', projeto do alemão (que também fez das suas) diverte... junto com seus domadores.
No esporte... eu torço. No esporte: sou Button...sou Alonso...sou Webber... porque nesse esporte torcesse pela velocidade, pela habilidade, pela invenção e isso, na verdadeira Formula 1, é um movimento constante na troca da vanguarda.

Porque a Formula 1... é 'best of the best' ... e é preciso desaprender para dizer que Vettel é o best of the best!

O podium de Suzuka fechou como de fato deveria terminar o mundial de pilotos. Buton foi superior a Alonso durante o ano. Alonso é um verdadeiro Bi que Vettel está longe de ser a sombra. Vettel soube explorar a condição superior dentro da equipe sobre Webber. Webber, faltando-lhe apenas o jovial impeto contido nos que estão a sua frente para que de fato pudesse tornar-se um campeão, que lhe seria muito merecido.



Um comentário:

  1. JC, os caras não dão valor mesmo. Vou combinar com o Lombardi e dar um pulo aí, OK?

    ResponderExcluir

Seguidores